Radio Verdes Campos! É do seu jeito! - A melhor radio de Gramado, canela e Regiao

Saúde destaca mudanças nas indicações da vacina contra Covid para o ano de 2024

132
A Prefeitura de Gramado, por meio da Secretaria da Saúde, está seguindo as orientações da Estratégia de Vacinação contra a Covid-19 para o ano de 2024, do Ministério da Saúde, a fim de promover a imunização e garantir que a população gramadenses esteja cada vez mais saudável.

Neste ano, as gestantes, puérperas, pessoas acima de 60 anos e imunocomprometidos acima de 5 anos de idade têm indicação de receber uma dose de vacina bivalente a cada 6 meses. Os demais grupos prioritários devem receber um reforço de vacina contra Covid em 2024, 6 meses após a última dose recebida.

Outra novidade é a inclusão da vacina contra Covid-19 na rotina das crianças de 6 meses a menores de 5 anos, ação que representa um passo importante na prevenção das formas graves da doença.

Em Gramado, foram vacinadas 896 crianças na faixa etária de 3-4 anos (14% da população com dose 1, e 8% com dose 2) e 1.847 crianças de 5-11 anos de idade (60% com dose 1 e 40% com dose 2). Nenhum caso de evento adverso foi reportado à Vigilância Epidemiológica.

Com esta reorganização, a Secretaria da Saúde ampliou a oferta das vacinas para todas as faixas etárias, nas seguintes unidades:

UBS Floresta: Terças-feiras, das 7h30 às 16h, sem fechar ao meio-dia;

ESF Várzea Grande: Quartas-feiras, das 7h30 às 16h, sem fechar ao meio dia;

UBS Centro: Sextas-feiras, das 7h30 às 11h30 e das 13h às 16h.

Importância da vacina

Ao longo dos mais de 3 anos de pandemia, o Brasil registrou mais de 38 milhões de casos e 708 mil óbitos pela doença. A vacinação contra a Covid-19 teve grande impacto para evitar milhares de óbitos e internações, desde a sua introdução em 2021. No entanto, apesar da elevada eficácia, observa-se uma redução da proteção imunológica alguns meses após a vacinação, principalmente nas faixas etárias a partir de 60 anos de idade, sendo que esta redução se mostrou mais proeminente com o surgimento da variante Ômicron e suas subvariantes.

Comentários